segunda-feira, 13 de maio de 2013

Minha cadeira Adirondack


Histórico:
A cadeira Adirondack é uma cadeira de madeira rústica simples para uso ao ar livre. No projeto original foi feita com 11 tábuas de madeira plana, com as costas retas e assento. Ela também possui braços largos. No Canadá, às vezes é conhecido como a cadeira Muskoka, .
O precursor para a cadeira Adirondack  foi  Thomas Lee em 1903. Ele estava de férias em Westport, New York, nas Montanhas Adirondack, e precisava de cadeiras para deixar ao ar livre para  a sua casa de verão. Ele testou os primeiros projetos em sua família. Depois de chegar a um projeto final para o "Westport cadeira prancha", Lee ofereceu a Harry Bunnell, um amigo carpinteiro em Westport, que estava precisando de uma renda de inverno. Bunnell rapidamente percebeu que a cadeira era o item perfeito para vender aos residentes de verão de Westport e, aparentemente, sem pedir a permissão de Lee, Bunnell pediu e recebeu a patente 794.777, em 1905. Bunnell  foi o fabricante das cadeiras de prancha durante os próximos vinte anos. Sua "Westport cadeiras"  foram todas assinadas e feitas de cicuta na cor marrom ou verde escuro médio.
As cadeiras Adirondack  de hoje geralmente apresentam uma traseira arredondada e assento com contornos. O estilo também foi traduzido para outras peças de mobiliário. Algumas cadeiras Adirondack modernas são feitas de tábuas de plástico ou madeira de engenharia em vez de madeira.
Elas são geralmente feitos como projetos  de ensino de marcenaria  em todo o mundo. Adirondacking é um termo usado no sul dos EUA para descrever piqueniques públicos em que as pessoas se sentam principalmente em cadeiras Adirondack.

Fabricação:
Esta cadeira sempre me chamou atenção. E sempre desejei fazer uma destas. Mas o tempo sempre estava curto, pois achava que me levaria muito tempo para fazê-la.  Este fim de semana eu decidi colocar a mão na massa e tentar fazer uma.
Meu cunhado tinha uma sobra de perobas que usou na lateral do telhado de sua casa, eram pranchas de 4 metros de comprimento por 15 cm de largura e 2 cm de espessura. Sentei lhe a serra e aos poucos a transformação foi acontecendo.  Usei uma mistura de diferentes projetos encontrados na rede, dentre eles o do Norman Abraan.
O primeiro passo foi recortar todas as peças do quebra cabeça:
Comecei pelo que julgava ser a parte mais difícil que são as laterais da cadeira que ao mesmo tempo servem de apoio para o assento e pés traseiros.
Risquei tudo com régua e compasso (mentira um disco de lixa kkkk). E fui, em primeiro lugar, para a serra de fita, mesmo podendo usar um tico tico. (estava louco para testar a serra... rs)







Tendo serrado nas linhas o próximo passo foi a lixadeira, mais uma vez minha home made foi de grande valia. O trabalho ficou excelente.


Próximo passo foi cortar os apoios das costas.  São dois, um em que vai o final do apoio e inicio do assento e o outro que vai ser o apoio dos braços e suporte no meio das costas. Ambos devem ser cortados em meia lua. Aqui cometi um erro, pois o suporte do meio das costas deve ter um corte em um ângulo próximo dos 40 graus, pois de cortar feto ele vai ficar inclinado e terá problema para fixar os braços. Mas corrigi depois usando uma fresa de 45 graus, poderia ser menos, mas funcionou razoavelmente bem.






O próximo passo foram as tabuas que servem de encosto para as costas. Foram 4 peças de 1 metro de altura, que foram cortadas na parte superior formando uma imagem parecida a um círculo e também elas são cortadas em um certo ângulo de tal forma que encima permanece os 15 cm e em baixo fica com aproximadamente 11 cm. Cortei o circulo na serra fita e o corte em ângulo eu fiz na serra de mesa a mão livre mesmo, se bem o melhor teria sido usar um Jig para isso.





Assim fui preparando cada peça, os braços, os suportes dos braços etc.
Depois passei a montagem da cadeira. Uni as laterais com os pés dianteiros, por meio de dois parafusos francês de ½ polegada. Ficando duas partes, que será única pelo suporte do encosto traseiro.




Em seguida coloquei a frente formando o requadro da cadeira, nesta peça da frente fiz umas firulas para dar um toque mais bonito e menos quadradão. (obs:. Quase todas as peças eu quebrei dos cantos com uma fresa de bolear pequena).



Uma vez feito o quadro da cadeira passei a colocar o encosto. Em quase todos os passos eu primeiro prendia a peça com o pinador para visualizar e depois parafusava. O pinador funciona muito bem para isso.




Feito o encosto o próximo passo foi o assento. Ripas de 3.5 cm de espessura, lixada e os cantos arredondados com a fresa. Deu um pouco de trabalho a primeira peça que faz o contato do assento com o encosto, mas usei a “sobra” do corte desta mesma peça para dar o acabamento. Ficou aceitável. Deu um espaço de quase 1 cm entre uma ripa e outra. Ficou bonito o visual.








Por fim depois de uma tarde de trabalho a cadeira estava pronta. Agora falta o acabamento que gostaria de usar algo somente para ressaltar a cor e os veios da madeira. Creio que usarei uma mistura de cera de abelha com cera de carnaúba e breu, uma mistura que um amigo de Curitiba me mandou a um tempo atrás.





10 comentários:

  1. Parabéns Adenilson. Excelente projeto e execução.

    Grande abraço.
    Júlio

    ResponderEliminar
  2. Adenilson...

    Grande trabalho amigo...muito inspirador...

    Abração...

    ResponderEliminar
  3. "_caro Adenilson estava procurando um plano para iniciar a construção de tão sonhada cadeira... No entanto em toda a rede não o encontrei ainda, fiquei muito feliz ao deparar com esse teu Blog e ficaria inda mais se o amigo me fizesse a gentileza de me enviar por e-mail o esquema do plano dessa tão sonhada cadeira pois gostaria de poder sentar-me em uma delas construida por mim... Aqui deixo meu e-mail e rogo à Deus Jeová para tocar em seu coração e fazer com que o amigo atenda à este meu humilde pedido ok? e peço-lhe que deixe em destaque o tamanho expecifico da medida de corte das peças dos pés dianteiro da cadeira porque em todas as páginas de Blogs ou sites voltados à esses planos jamais encontrei uma medida certa para cortar os pés dianteiros. por favor me ajude Anilson e que nosso Senhor e Deus Jeová o abençoe sempre tú e a tua casa amém." Natanael Rozeno da Silva, meu e-mail:opregador.nrs@gmail.com e all_new210612nrs@hotmail.com tel.11-99625-6140

    ResponderEliminar
  4. "_caro Adenilson estava procurando um plano para iniciar a construção de tão sonhada cadeira... No entanto em toda a rede não o encontrei ainda, fiquei muito feliz ao deparar com esse teu Blog e ficaria inda mais se o amigo me fizesse a gentileza de me enviar por e-mail o esquema do plano dessa tão sonhada cadeira pois gostaria de poder sentar-me em uma delas construida por mim... Aqui deixo meu e-mail e rogo à Deus Jeová para tocar em seu coração e fazer com que o amigo atenda à este meu humilde pedido ok? e peço-lhe que deixe em destaque o tamanho expecifico da medida de corte das peças dos pés dianteiro da cadeira porque em todas as páginas de Blogs ou sites voltados à esses planos jamais encontrei uma medida certa para cortar os pés dianteiros. por favor me ajude Adenilson e que nosso Senhor e Deus Jeová o abençoe sempre tú e a tua casa amém." Natanael Rozeno da Silva, meu e-mail:opregador.nrs@gmail.com e all_new210612nrs@hotmail.com tel.11-99625-6140

    ResponderEliminar

    ResponderEliminar
  5. "_Caro amigo poderia me enviar o plano desta cadeira por e-mail:all_new210612nrs@hotmail.com
    ficaria mui grato e que nosso Senhor e Deus Jeová o abençoe sempre."
    Natanael Rozeno da Silva

    ResponderEliminar
  6. eu te enviei o material que colhi na própria rede, pois a cadeira é uma mistura de diferentes desenhos e planos.

    ResponderEliminar
  7. se possivel gostaria de receber o projeto tambem. Obrigado
    lagsecco@gmail.com

    ResponderEliminar
  8. Belo projeto amigo.
    Gostaria que me mandasse a lista de cortes em metros.

    norbertofsouza@gmail.com

    ResponderEliminar
  9. Boa tarde Amigo,

    Tem o projeto em tamanho real para que eu possa imprimir?

    ResponderEliminar
  10. poderia passar por email o projeto grato edirf@ig.com.br

    ResponderEliminar